Na faixa de alta freqüência e, em parte, na faixa de MF (que abrange de 1 MHz a 30 MHz), a propagação de ondas é a mais afetada pela reflexão da ionosfera, e a densidade da ionização da atmosfera varia,juntamente com a freqüência , uma freqüência mais alta correspondente a uma maior densidade de ionização. As variações da densidade da propagação, ocorre de acordo com fatores tais como a hora do dia, ano, manchas solares , e outras condições ionosféricas.


Selecione as condições do dia / noite, pressionando o mouse sobre o ícone superior do dia ou noite, e coloque o mouse sobre o maior navio à esquerda. Uma área verde aparecerá na abrangencia da transmissão, do navio que poderia ser recebido.

Durante o dia, a reflexão da onda da ionosfera ocorre na parte inferior (camada E), portanto, uma frequência mais elevada deve ser utilizada, por conseguinte. À noite, as reflexões de onda correm na camada F2, então uma freqüência mais baixa são melhores.


Os dados sobre a altura da ionosfera é feito diariamente por vários observatórios. O observatório europeu mais conhecido é o Observatório Nacional de Atenas, na Grécia, que publica dados para o mundo inteiro (www.iono.noa.gr). Aqui um operador pode encontrar o estado actual da altura da camada ( h ) e densidade (f0).

O ângulo de reflexão (alfa) depende da altura da camada e a distância (d) atravez da terra ou no mar do ponto de reflexão e pode ser calculada pela fórmula:

alpha = arc tg ((d/2)/h)

Quando somente um reflexo ocorre durante a propagação, isso é chamado de propagação de salto único. As com mais saltos, quanto maior for a distância, menor será a qualidade de transmissão e mais potência deverá ser utilizada. Sempre que possível utilize salto único.


Para alcancar a uma
determinada estação (navio, RCC, etc) com um único salto a comunicação pode ser feita apenas dentro dos limites da LUF (freqüência mais baixa utilizável) e MUF (Freqüência máxima utilizável). A comunicação ideal é chamada de OTF (Optimum Frequência de Tráfego), que é cerca de 85% da MUF. Como o operador de rádio não pode escolher apenas alguma freqüência, mas somente aqueles designados para o tráfego marítimo, o operador deve usar a freqüência disponível mais próxima. MUF e OTF é calculado pela fórmula:

MUF=f0/cos (alpha)

OTF=MUF * 0.85

LUF depende da potência do transmissor, a sensibilidade e sintonia do receptor.

A distância que o sinal viaja antes de chegar à terra novamente é chamado de distância salto. Ela também vai descobrir muitas vezes, há um espaço entre o limite da cobertura onda solo da zona de reflexão (onde a onda refletida retorna a terra) em que nenhum sinal pode ser recebido. Esta área é chamada de zona de silêncio ou cone de silêncio. Para comunicar-se dentro da zona de silêncio, a freqüência deve ser mais baixa.

Em geral:

  • No dia a MUF é superior do que a MUF pela noite.
  • No Verão a MUF é maior do que a MUF no inverno.
  • Se a atividade de manchas solares surge, o MUF e OTF aumenta,a distância e a zona de silêncio diminui.
  • Se a atividade de manchas solares reduz, MUF e OTF reduz, a distância e a zona de silêncio almenta.

MF


A onda terrestre se propaga em todos os momentos, dia e noite. A área de serviço de uma estação de MF durante o dia é determinada pelas características de propagação das ondas terrestres . Esta é afectada pela frequência da onda portadora e a condutividade do terreno. No mar a condutividade é maior do que em terra. A distância depende significativamente da potência do trasmissor da estação. Todas as estações de navio registada deve ter potência suficiente para alcançar as estações em terra dentro de 150 milhas náuticas (o requisito mínimo para a área A2).


Durante a noite, um sinal se propaga como ondas através da ionosfera, bem como uma onda terrestre, de modo que a distância de comunicação é maior. A reflexão da ionosfera causa o que é chamado de distância de salto, mas dentro de propagação de MF, essa distância sãoutilizadas por ondas terrestres por isso não há zona de silêncio.


Normalmente, o navio utiliza o DSC para estabelecer a conexão com outras estações. Para comunicações prioritárias (socorro, urgencia e segurança) a freqüência DSC 2187,5 kHz deve ser utilizada. Mas, para as chamadas de rotina do navio (todas não prioritárias) a freqüência simplex 2177 kHz é usada para chamadas navio para navio, enquanto que,deverá ser utilizada do navio para a costa chama-se a freqüência duplex de 2189,5 kHz (navio transmite) / 2177 kHz (navio recebe).

Quando a conexão é estabelecida, o operador de rádio deve trocar para a freqüência de trabalho ou tráfego. Para comunicações prioritárias (socorro, urgencia e segurança) por radiotelefonia, a freqüência de 2182 kHz deve ser utilizada. Para as comunicações de rotina, o operador deve utilizar a lista de frequências para a região em que ele se encontra em MF (ver anexo). Comunicações de navio de navio são possíveis em frequências 2045 kHz ou 2048 kHz na região 1, enquanto que para as regiões 2 e 3, as freqüências são 2635 kHz ou 2638 kHz. De navio para costa as comunicações, a estação costeira fornece as freqüências de tráfego de trabalho do navio.

HF


Comunicações em HF são sempre transmitidas através da ionosfera como propagação ionosférica. Isso proporciona uma comunicação de longo alcance. O estado da ionosfera está mudando constantemente, principalmente devido ao ciclo do dia e noite. À noite, a ionosféra retorna para a Terra a uma distância maior, porque é refratada de uma camada superior na ionosfera.


Comunicação
Ideal é utilizando OTF (Optimal Tráfego Frequency). Mas o operador de rádio do navio é limitado as freqüências designadas para o serviço marítimo. A lista oficial das freqüências são publicadas em livros da ITU, e em outras publicações, como ALRS vol. 1-6. Estas frequências são dispostas nas denominadas bandas. Existem as
bandas chamadas de 4MHz, 6MHz, 8MHz, 12MHz, 16MHz, 18/19MHz, 22MHz e 25/26MHz. Todas essas bandas contem frequências para comunicações de voz, bem como DSC e outros serviços de (telex, telegráfico ...). Para comunicações prioritárias as freqüências designadas são até a banda de 16 MHz, sendo suficiente para cobrir cerca de metade do mundo.


Assim, o operador deve usar a faixa de freqüência mais próxima do OTF. A freqüência exata depende da prioridade da comunicação (prioridade / rotina) ou tipo de comunicação (DSC, voz, telex ...). A lista de freqüências prioritárias (ver anexo) para os navios que não abrangem a Convenção SOLAS é recomendado que esteja claramente visível nas proximidades da estação de rádio. Para a comunicação de rotina navio a navio a freqüência de trabalho deve ser utilizada a partir da lista (ver anexo).


Essas freqüências estão disponíveis também nas publicações editadas pela ALRS, ITU e outros fornecedores. Nota: estas freqüências são simplex. Para comunicações navio para costa (duplex), as freqüências de trabalho já estão dentro dos canais. O número do canal é de 3 (YXX) a 4 (YYXX) figuras onde Y ou YY significa a banda Mhz, enquanto XX significa o número consecutivo dentro da banda de megahertz. Por exemplo: CH 603 significa terceiro canal dentro de banda de 6 MHz, enquanto CH 1210 significa décimo canal dentro de 12 MHz.

COMO ESCOLHER A FREQÜÊNCIA

Quando o operador sabe a que distância de outro navio ou de terra , ele deve calcular a OTF, em seguida, escolher a faixa de freqüência mais próxima, em seguida, encontrar a frequência adequada. Enquanto o operador a bordo do navio não tem todos os dados necessários para calcular a OTF, a OTF é muito frequentemente é estimada pela experiência. A seguir, a simulação pode ser útil para cálculo rápido. Nota: os resultados não representam uma situação real, e são números arredondados com base na experiência de outros.




Arraste o navio com um clique do mouse em qualquer local no mapa, mudar a faixa de freqüência com um campo de seleção e verificar a abrangência em (semi verde transparente colorido) acessível pela estação do navio . Você pode verificar as condições em que navio está agora, colocando o cursor do mouse sobre o navio. A borda de linha verde corresponde ao máximo de trasmissão. A gama e uma linha vermelha que corresponde à distância do salto. Retângulos brancos corresponde as HF CRS.
Last modified: Saturday, 25 April 2020, 7:50 PM